Pages

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Por uma cultura de paz e não-violência.


Numa ação conjunta do Grande Oriente do Brasil (PB) e do MOVPAZ (PB) um importante passo em direção ao fortalecimento das ações em favor do desenvolvimento de uma cultura de paz foi dado no Estado da Paraíba. Em audiência com o Governador José Maranhão ficou acertado que a Marcha pela Paz e Não-Violência - que já conta com a adesão de noventa países e tem como objetivo despertar consciências para a necessidade de mudar a grave situação de violência no mundo - acontecerá também na Paraíba. Outros assuntos relevantes tratados na audiência foram a Semana da Cultura de Paz que ocorrerá em novembro próximo e a instalação do Museu da Paz. Da audiência participaram os Secretários de Segurança Pública e o de Turismo - Gustavo Gominho e Romeu Lemos, este um importante aliado desde o início do MOVPAZ em nosso Estado no ano de 2001, o Deputado Estadual Rodrigo Soares, outro aliado de primeira hora do Movimento Internacional pela Paz e Não-Violência, o Promotor - e Presidente da Associação dos Promotores - João Arlindo e o Secretário do TCU na Paraíba Rainério Rodrigues. Na comissão da GOEPB e do MOVPAZ estavam presentes o Grão-Mestre Estadual Aderaldo Pereira, Almir Laureano, Clerton Franca, Rivaldo Régis e Cláudio Jr e os próprios João Arlindo e Rainério Rodrigues, também maçons do Grande Oriente do Brasil PB.

No mesmo dia da audiência, por ocasião das festividades do Dia dos Administradores de Empresas realizada a noite, o Governador José Maranhão informou ao Grão-Mestre do GOEPB que já havia nomeado uma comissão para trabalhar nos assuntos tratados.

A parceria entre o MOVPAZ e a Maçonaria Paraibana, por meio do Grande Oriente do Brasil, existe desde 2001, ano que o Movimento Internacional pela Paz e Não-Violência com a participação do próprio GOEPB foi instalado na Paraíba.

O MOVPAZ é uma ONG absolutamente includente, sem qualquer conotação política partidária ou religiosa, que busca, através de vinte e uma ações, contribuir para o desenvolvimento de uma cultura de não-violência no Brasil, trabalhando a paz em três dimensões: Paz Social, Paz Ambiental e Paz Interior. O MOVPAZ está presente em nove Estados e em vinte e sete cidades da Federação.

1 comentários:

Mário Gomes Filho disse...

Alguns podem até dizer que esse proposito de paz não levará a nada tendo em vista esta violencia que assola o planeta. Outros dirão que tem que ser olho por olho, dente por dente. Contudo, se observarmos o curso da história encontraremos várias situações que hoje rotineiras mas outrora um mero sonho de alguem. A saber; A 50 anos quem imaginaria que o telefone fixo estaria fadado a desaparecer diante do avanço do celular (?). Quem ousaria imaginar, no inicio de século passado, na força da presença da mulher no mercado de trabalho (?). Imaginemos que a tecnologia que levou o homem a lua, hoje é tão avançada que se assemelha a uma calculadora que podemos comprar no camelô. Nas datas especificas estas situações foram defendidas por alguns homens determinados, mas na época, condenados por muitos, apenas por levarem adiante um sonho que se tornou projeto e avançou pra história da humanidade como realidade. De parabéns a todos que tanto se empenham por uma cultura de paz e harmonia.